Entre sobremesa e álcool, o que escolher? Confira 3 fatores para te ajudar nesta decisão!

Aparece um jantar e todos decidem beber um drink com álcool e você lembra que naquele restaurante tem uma sobremesa que é impossível não pedir. Mas tem um detalhe importante, a semana ainda está começando!

Então, surge aquela dúvida: sobremesa ou álcool? Qual escolher?

Há alguns fatores que você precisa levar em consideração!

O Conteúdo Calórico

Se a bebida se trata de um chopp, uma taça de vinho ou uma taça de licor, o álcool será quase sempre menor em calorias do que a sobremesa.

Estas bebidas alcoólicas vão variar de 100 a 200 calorias por porção, enquanto que uma sobremesa, você pode facilmente ter entre 500 e 1.000 calorias, a depender da escolha.

Agora, se você optar por um drink com ingredientes que vão além do álcool, como xarope, leita condensado ou até mesmo açúcar, o número de calorias dispara e pode se igualar ao da sobremesa facilmente.

O papel do seu corpo

Outro fator a considerar é como o seu corpo lida com essas calorias. No caso do álcool, após a sua ingestão, toda a oxidação de gordura e carboidratos é interrompida para que seu organismo comece a trabalhar a queima do álcool, o que não é nada bom para o seu metabolismo.

Com a sobremesa, você vai manter a queima de gorduras e carboidratos, só que você deu ao seu corpo uma carga enorme deles, então as chances são grandes deste excesso ser armazenado em forma de gordura.

O conteúdo nutricional

Por fim, um último e importante fator, você precisa considerar o conteúdo nutricional. Apenas na taça de vinho você vai encontrar algum valor nutricional, os antioxidantes das uvas, mas também só isso, porque o álcool é tóxico e precisa ser considerado!

Com relação às sobremesas, a maioria é feita de açúcar, manteiga e óleo. Massss, se você optar por sobremesas funcionais, que incluem em sua composição chocolate acima de 70% de cacau, açúcar de coco ou adoçante stevia, oleaginosas ou outros ingredientes nutritivos, você vai oferecer alguma nutrição para o seu corpo, não restando dúvida na escolha entre o álcool e o doce, certo?

Mas se não tiver sobremesa funcional no cardápio? Qual escolher então?

De um modo geral, se você puder compartilhar a sobremesa, a opção do docinho seria melhor do que beber álcool. Você não estaria colocando uma substância tóxica em seu corpo e fazendo-o parar de queimar gordura. Sem contar, que o álcool pode ter efeitos nocivos sobre o cérebro e o fígado, enquanto açúcar e gordura apesar de não serem opções saudáveis, mas em doses menores, não são tão prejudiciais.

No final, a escolha é sua, mas manter esses fatores em mente pode te ajudar a tomar sua melhor decisão.

Beijo,

Di Leal.

Diane Leal
Diane Leal

Nutricionista há 17 anos, apaixonada por alimentação saudável e funcional, foi quem conseguiu há dois anos, mudar a rotina alimentar (e a vida) da família. CRN/SP 12162

2 Comentários

  1. Alessandra Oliveira disse:

    Maravilha de explicação!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *